Josemaría Escrivá Obras
235

Exame. - Tarefa diária. - Contabilidade que nunca descura quem tem um negócio.

E há negócio que renda mais que o negócio da vida eterna?


236

À hora do exame, vai prevenido contra o demônio mudo.


237

Examina-te: devagar, com valentia. - Não é verdade que o teu mau humor e a tua tristeza inexplicáveis (inexplicáveis, aparentemente) procedem da tua falta de decisão em cortar os laços, sutis mas “concretos”, que te armou - arteiramente, com paliativos - a tua concupiscência?


238

O exame geral assemelha-se à defesa. - O particular, ao ataque. - O primeiro é a armadura. O segundo, espada toledana*.

(*) As espadas fabricadas na cidade castelhana de Toledo eram conhecidas pela excelente têmpera do seu aço (N. do T.).


239

Um olhar sobre o passado. - E... lamentar-te? Não, que é estéril. - Aprender, que é fecundo.


240

Pede luz. Insiste. - Até dares com a raiz, para lhe aplicares essa arma de combate que é o exame particular.


241

Com o exame particular tens de procurar diretamente adquirir uma virtude determinada ou arrancar o defeito que te domina.


242

“Quanto não devo a Deus, como cristão! A minha falta de correspondência, perante essa dívida, tem-me feito chorar de dor: de dor de Amor. "Mea culpa!"”

- Bom é que vás reconhecendo as tuas dívidas. Mas não te esqueças de como se pagam: com lágrimas... e com obras.


243

"Qui fidelis est in minimo et in majori fidelis est": quem é fiel no pouco, também o é no muito. - São palavras de São Lucas, que te indicam - faz exame - a raiz dos teus descaminhos.


244

Reage. - Ouve o que te diz o Espírito Santo: "Si inimicus meus maledixisset mihi, sustinuissem utique" - que o meu inimigo me ofenda, não é estranho e é mais tolerável. Mas tu... "tu vero homo unanimis, dux meus, et notus meus, qui simul mecum dulces capiebas cibos" - tu, meu amigo, meu apóstolo, que te sentas à minha mesa e comes comigo doces manjares!


245

Em dias de retiro, o teu exame deve ser mais profundo e mais extenso que o habitual exame da noite. - Quando não, perdes uma grande ocasião de retificar.


246

Acaba sempre o teu exame com um ato de Amor - dor de Amor -: por ti, por todos os pecados dos homens... - E considera o cuidado paternal de Deus, que afastou de ti os obstáculos para que não tropeçasses.


Anterior Próximo