Josemaría Escrivá Obras
 
 
 
 
 
 
O Opus Dei
O Opus Dei foi fundado em Madri, Espanha, no dia 2 de outubro de 1928, por São Josemaría Escrivá. Em 1982, o Papa João Paulo II erigiu o Opus Dei em prelazia pessoal de âmbito internacional, através da Constituição Apostólica Ut sit. O seu nome completo é Prelazia da Santa Cruz e Opus Dei.

As prelazias pessoais são figuras jurídicas, previstas pelo Concílio Vaticano II, para a realização de obras pastorais peculiares: no caso do Opus Dei, para difundir em todos os ambientes da sociedade uma profunda tomada de consciência da chamada universal à santidade e ao apostolado e, mais concretamente, do valor santificador do trabalho cotidiano.

“Realmente é um grande ideal o vosso — dizia João Paulo II em 1979 — que desde o início antecipou-se à teologia do laicato, que depois caracterizou a Igreja do Concílio e do pós-Concílio. Essa é a mensagem e a espiritualidade do Opus Dei: viver unidos a Deus no meio do mundo, em qualquer situação, cada um lutando para ser melhor com a ajuda da graça, e dando a conhecer Jesus Cristo com o testemunho da sua própria vida”.

Atualmente, pertencem à prelazia cerca de 80.000 pessoas, sacerdotes e leigos, dos cinco continentes.

Mais informação