Josemaría Escrivá Obras
117

Compreendo a alegria sobrenatural e humana daquele homem que tinha a sorte de ser um ponta-de-lança na semeadura divina. “É esplêndido sentir-se único, para sacudir toda uma cidade e seus arredores”, repetia para si mesmo, muito convicto. - Não esperes até contar com mais meios ou até que venham outros: as almas precisam de ti hoje, agora.

Anterior Ver capítulo Próximo