Josemaría Escrivá Obras
811

Alguém comparou o coração a um moinho que se move pelo vento do amor, da paixão... Efetivamente esse “moinho” pode moer trigo, cevada, esterco... - Depende de nós!

Anterior Ver capítulo Próximo